Exposição Corpo e Virtualidade 2017

Exposição Corpo e Virtualidade 2017

Na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), entre os dias sete e nove de março de 2017, ocorreu o renomado “Simpósio Internacional: Subjetividade e Cultura Virtual”, que nesse ano teve como tema: O Corpo e a virtualidade, promovido pela pós graduação de Psicologia da PUC Minas e da UFMG. Esse, teve como objetivo a discussão interdisciplinar entre pesquisadores, nacionais e internacionais, acerca dos impactos da cultura digital nas relações atuais, com enfoque no corpo.

O evento conteve, além de inúmeras pessoas de diferentes campos de estudo, uma programação com mesas-redondas interdisciplinares, conferências, lançamento de livros e apresentações artísticas . Essas apresentações foram uma Exposição do Corpo e Virtualidade, entre os artistas que participaram nesta mostra estão alunos e professores do grupo 1maginári0s, e a seguir segue um video contendo pouco sobre cada obra.

 

 

 

Esboço Mapas do Acaso – Experiência Compartilhada

Esboço Mapas do Acaso – Experiência Compartilhada

No dia 29 de agosto, aconteceu uma mostra do projeto de pesquisa do pesquisador Leo Souza em conjunto com o aluno da UFMG, Marcelo Padovani. Leonardo explicou acerca da obra:

”Com o intuito de investigar a criação de um dispositivo que potencializa o audiovisual na improvisação cênica, criamos o Improvr. Durante cenas teatrais improvisadas, um aparelho de Virtual Reality – Realidade Aumentada –, voltado para os espectadores, dá acesso à imersão em espaçotemporalidades alternativas durante as cenas, abrindo uma gama de possibilidades com imagens relacionadas a cada improvisação.

Na diegese da improvisação, acompanhamos o dia a dia de um casal e sua relação com uma terceira pessoa. À presença de desejos contidos, vemos as relações do trio se refazerem, levando a uma recomposição de casais. Então o Improvr, mesclado à dramaturgia da cena, possibilita imergir na nas camadas subjetivas das personagens, nas imagens ocultas dos seus desejos, ampliando a experiência com o não revelado nas cenas.”.

A seguir seguem as fotos do evento tiradas por Raquel Carneiro:

Foto Raquel Carneiro-0516 Foto Raquel Carneiro-1030 Foto Raquel Carneiro-1886 Foto Raquel Carneiro-8181 Foto Raquel Carneiro-8195 Foto Raquel Carneiro-0578 Foto Raquel Carneiro-0543 Foto Raquel Carneiro-0660 Foto Raquel Carneiro-0534Foto Raquel Carneiro-0697

II Oficina do Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônicos

II Oficina do Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônicos

O Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônico (GEDEL), no dia 7 de Julho de 2017, ofereceu em parceria comem parceria com a Escola Judicial do TRT3, PRUNART-UFMG (Programa de Apoio às Relações de Trabalho e à Administração da Justiça), IRIS (Instituto de Referência em Internet e Sociedade), GNET/UFMG (Grupo de Estudos Internacionais de Propriedade Intelectual, Internet e Inovação), OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e AMAT (Associação Mineira dos Advogados Trabalhistas), na modalidade presencial, a II Oficina do Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônicos –  GEDEL: Democracia e Direito no contexto do Big Data, da Inteligência Artificial e da Linguagem Maquinal (Link para ppt).

A oficina foi ministrada pelo Desembargador do TRT 3ª Região, José Eduardo de Resende Chaves Júnior, pelo Professor Associado da Universidade Federal de Minas Gerais, Francisco Carlos Marinhopelo Cientista da Computação, Leonardo da Silva Souzapelo Engenheiro Agrônomo, Carlos Barbieri e pelo Professor das cadeiras de Informação e Contrainformação do MBA em Gestão de Negócios da Faculdade Unimed, Cláudio Andrade Rego.

Link para o video da Oficina.

II Oficina do Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônicos

II Oficina do Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônicos

Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônico (GEDEL), no dia 7 de julho de 2017, oferecerá em parceria comem parceria com a Escola Judicial do TRT3, PRUNART-UFMG (Programa de Apoio às Relações de Trabalho e à Administração da Justiça), IRIS (Instituto de Referência em Internet e Sociedade), GNET/UFMG (Grupo de Estudos Internacionais de Propriedade Intelectual, Internet e Inovação), OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e AMAT (Associação Mineira dos Advogados Trabalhistas), na modalidade presencial, a II Oficina do Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônicos –  GEDEL: Democracia e Direito no contexto do Big Data, da Inteligência Artificial e da Linguagem Maquinal .

A oficina vai ser ministrada pelo Desembargador do TRT 3ª Região, José Eduardo de Resende Chaves Júnior, pelo Professor Associado da Universidade Federal de Minas Gerais, Francisco Carlos Marinho, pelo Cientista da Computação, Leonardo da Silva Souza, pelo Engenheiro Agrônomo, Carlos Barbieri e pelo Professor das cadeiras de Informação e Contrainformação do MBA em Gestão de Negócios da Faculdade Unimed, Cláudio Andrade Rego.

Local: Auditório do TRT-MG (Avenida Getúlio Vargas, 225 – 10º andar – Funcionários – BH/MG)

Para conferir um pouco sobre o primeiro encontro: Link

I Oficina do Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônicos

I Oficina do Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônicos

O Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônico (GEDEL), no dia 31 de março de 2017, ofereceu em parceria comem parceria com a Escola Judicial do TRT3, PRUNART-UFMG (Programa de Apoio às Relações de Trabalho e à Administração da Justiça), IRIS (Instituto de Referência em Internet e Sociedade), GNET/UFMG (Grupo de Estudos Internacionais de Propriedade Intelectual, Internet e Inovação), OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e AMAT (Associação Mineira dos Advogados Trabalhistas), na modalidade presencial, a I Oficina do Grupo de Estudos sobre Justiça e Direito Eletrônicos –  GEDEL: Democracia e Direito no contexto do Big Data, da Inteligência Artificial e da Linguagem Maquinal (Link para ppt).

A oficina foi ministrada pelo Professor Adjunto de Direito Internacional da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais, Fabrício Bertini Pasquot Polido, pelo Professor Associado da Universidade Federal de Minas Gerais, Francisco Carlos Marinho e por meio de videoconferência, o Professor Adjunto do Instituto Politécnico de Beja, em Portugal, Manuel Davi Masseno. Em conjunto com esses também participaram os pesquisadores e professores da Universidade Federal de Minas Gerais Leonardo Souza e Virgílio Vasconcelos.

Link para o video da Oficina.

 

Leo Souza

Leo Souza

Leo Souza se dedica ao ensino, à pesquisa à experimentação no campo das artes audiovisuais. Doutorando em Poéticas Tecnológicas (EBA-UFMG), mestre em Arte & Tecnologia da Imagem (EBA-UFMG), bacharel em Ciência da Computação (DCC-UFMG), tem formação técnica em artes cênicas pelo CEFAR e licenciatura em Artes pelo Claretiano. Atua, desde 2006, na direção de audiovisual para teatro e performances, em cinema e em arte contemporânea com dispositivos computacionais, tendo desenvolvido tecnologias para a experimentação em Arte. Na sua experiência docente, lecionou e coordenou cursos na OI Kabum! , onde foi professor-fundador da primeira escola de Arte e Tecnologia de Belo Horizonte. Atualmente, é coordenador técnico do Laboratório de Artes Digitais da escola de Belas Artes da UFMG e professor nesta mesma instituição.